Meteorologia

  • 25 MARçO 2019
Tempo
20º
MIN 17º MÁX 22º

Edição

'Zoom' de Donald Margulies estreia-se no Teatro da Trindade

Emoções, encruzilhadas e momentos em que se impõem decisões, mesmo que sejam de mudança de vida, compõem o eixo central da peça "Zoom", que se estreia na quarta-feira, no Teatro da Trindade, em Lisboa.

'Zoom' de Donald Margulies estreia-se no Teatro da Trindade
Notícias ao Minuto

09:45 - 11/02/19 por Lusa

Cultura quarta-feira

Uma peça do dramaturgo norte-americano Donald Margulies, que Diogo Infante viu há dez anos, em Nova Iorque, comprou de imediato, traduziu e colocou na gaveta.

Até que decidiu pô-la em cena, uma vez que lhe é possível por ser o programador do Trindade e por ter vontade de trabalhar com estes atores (Sandra Faleiro, João Reis, Virgílio Castelo, Sara Matos), como o próprio explicou à agência Lusa.

Além disso, porque tinha vontade de dar corpo a um texto que é sobre algo que lhe apetecia "refletir um pouco", frisou.

"Infelizmente ou não, bom... provavelmente infelizmente, a atualidade do texto mantém-se como pano de fundo, mas eu acho que a peça não é obviamente sobre o ´background` dos conflitos que nos rodeiam e de como isso nos afeta. É sobre relações", disse.

Para o encenador, trata-se de uma peça sobre "encruzilhadas, onde as personagens têm de tomar decisões de vida -- algumas de ´life changing`, outras não -- e é uma história de amor".

"Zoom" gira em torno de uma fotojornalista recém-chegada da guerra do Iraque, Sarah, ferida pela explosão de uma bomba, e do seu namorado, James, um repórter de guerra.

James pretende dar um novo rumo à vida de ambos, mas as marcas emocionais com que se confrontam mostram um casal numa encruzilhada pessoal e na relação entre ambos.

Steve, editor de fotografia de Sarah, e a sua nova namorada, Mandy, visitam o casal e é esta que com as suas questões aparentemente banais acaba por colocar questões que produzem em Sarah um efeito arrasador.

Diogo Infante acrescenta sentir um "grande fascínio" por textos que refletem sobre a natureza humana, sobre os afetos e a "necessidade que [as pessoas sentem] de fazer parte de uma qualquer trupe ou uma família, a forma como [precisam] de [se] identificar".

Esta peça tem também a particularidade de a personagem que representa mais a normalidade ser aquela que acaba por inquietar mais e contaminar as outras, observou Diogo Infante.

Uma peça sobre pessoas que têm de seguir em frente na vida sem certezas de nada, argumentou, sublinhando que é essa "periclitância" da peça que mantém o espectador "envolvido e na expectativa do que vai acontecer".

'Zoom' está em cena na sala Cármen Dolores até 31 de março, com espetáculos de quarta-feira a sábado, às 21h00, e, aos domingos, às 16h30.

Sandra Faleiro (Sarah), João Reis (James), Sara Matos (Mandy) e Virgílio Castelo (Steve) interpretam.

A cenografia é de Catarina Amaro e o desenho de luz de Tânia Neto.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório